Yusuf questiona Dauda

Yusuf questiona Dauda

Quatro amigos comparam suas crenças?...

Yusuf: Ouvi dizer que a Bíblia foi alterada e corrompida!

Dauda: Considere! Primeiramente, o Alcorão afirma veementemente que a Bíblia é a Palavra de Deus e que nenhum homem pode mudar a Palavra de Deus!

E a própria Bíblia também atesta a sua inspiração divina, confirmando que é Palavra de Deus revelada e escrita.

Se alguém afirma que a Bíblia foi modificada, deve apresentar as evidências necessárias e, responder satisfatoriamente algumas questões:

Qual o motivo da mudança?

Quando e quem modificou?

Onde, então, a Bíblia é «original»?

_

Fátima: Os cristãos têm muitas versões da Bíblia!

Ladi: Na verdade, estas versões da Bíblia não são textos diferentes, mas diferentes traduções dos mesmos documentos originais. Obviamente, a Bíblia foi traduzida, em muitas línguas diferentes. Frequentemente, traduções mais recentes do mesmo idioma são feitas, pois todos os idiomas passam por mudanças periodicamente. No entanto, o significado e a mensagem3 do texto são preservados.

Yusuf: Deus não tem filho!

Dauda: Eu concordo com você, de fato Deus não teve relacionamento físico com Maria, que gerasse um filho «unigênito». O termo «FILHO» neste contexto aponta para a relação única entre DEUS Pai e JESUS o Filho.

Jesus estava tão perto de Deus como um filho do seu pai. As pessoas usam muitas figuras de linguagem para expressar uma relação especial, como, por exemplo, a palavra árabe para um viajante é um «filho da estrada».

No entanto, estes exemplos são apenas dicas para nos aproximar do entendimento de Deus, porque nós mortais somos incapazes de compreender perfeitamente quem é Deus, porque Ele é Espírito!

_

Fátima: Jesus não pode ser Deus!

Ladi: Jesus é a única pessoa que já viveu na terra sem pecado. Jesus é realmente «Deus conosco», uma vez que Ele declarou: «Eu e o Pai somos um.» Jesus, como ser humano é a expressão física de Deus na terra.

Nada é impossível para Deus. Se ele quiser aparecer na terra de tal forma e, simultaneamente, ainda dominar o universo, quem poderá impedi-lo? Os cristãos são definitivamente monoteístas, acreditam em um Deus, como a Bíblia ensina!

Yusuf: Jesus não foi crucificado!

Existem evidências claras da crucificação de Jesus:

  1. Foi predito pelos profetas do Antigo Testamento.
  2. Jesus anunciou muitas vezes sua morte iminente com riqueza de detalhes.
  3. Os apóstolos foram testemunhas oculares.
  4. Historiadores relataram.
  5. O relato de pessoas cujas vidas foram transformadas.

_

Fátima: Jesus foi apenas um profeta para Israel, enquanto Maomé foi universal!

Ladi: Durante Seu ministério Jesus ensinou seus discípulos6 principalmente para prepará-los para a tarefa de levar o Evangelho a todas as pessoas. Entretanto, Jesus sempre abordou outras pessoas que estavam dispostas a ouvir.

No final da sua missão na terra, Ele deu aos seus discípulos a Grande Comissão, ordenou-lhes que fossem a todo o mundo e pregasse o Evangelho a toda criatura! Isso mostra que a mensagem de Jesus é direcionada a todas as pessoas na terra.

É importante observar que o próprio Alcorão9 também confirma a universalidade de Jesus!

Yusuf:  Existe um só Deus, não três em uma trindade!

Dauda: Os cristãos definitivamente acreditam que existe só um Deus!

A Bíblia o descreve em três pessoas: o Pai, o Filho e o Espírito Santo. Temos muitos exemplos na natureza, onde três podem ser um, e.g. o sol consiste em corpo, calor e luz.

A doutrina Bíblica da Trindade nos ajuda a conhecer melhor a Deus.

Deus gosta de revelar a Si mesmo, por esta razão Ele veio à Terra como Jesus.

_

Fátima: O Evangelho de Barnabé é o «verdadeiro evangelho»!

Ladi: Peritos credenciados estudaram este «Evangelho» e comprovaram que o mesmo foi produzido separadamente à Bíblia. «Barnabé» foi escrito séculos depois dos quatro Evangelhos Bíblicos, i.e. Mateus, Marcos, Lucas e João. Em muitos pontos, ele contradiz a Bíblia, bem como o próprio Alcorão. Por exemplo, quando descreve Jesus como «precursor» do Messias e estabelece Maomé como tal.

Existem sérios erros geográficos e históricos provando que faltava ao autor em primeira mão conhecimento necessário sobre o assunto.

Yusuf: Maomé foi predito na Bíblia!

Dauda: As passagens referidas não falam sobre Maomé, isso pode ser facilmente observado após um estudo criterioso de textos relevantes.

O Antigo Testamento faz referência a Jesus Cristo como o próximo profeta. O profeta será como Moisés: «O Senhor, o seu Deus, levantará do meio de seus próprios irmãos (Israelitas) um profeta como eu (Moisés); ouçam-no».

Jesus preenche esta semelhança com Moisés, porque Ele deu uma nova aliança, conhece Deus face a face, e realizou grandes sinais e maravilhas.

As passagens do Novo Testamento, que são frequentemente referidas, falam claramente sobre o Espírito Santo e não sobre Maomé. Por exemplo, quando Jesus disse: «...?ele vive com vocês e estará em vocês?...». Ele se referia ao Santo Espírito de Deus. Pois como poderia Maomé, que era um homem mortal8 «viver dentro» dos discípulos de Jesus?

_

Fátima: O caminho para entrar no paraíso é fazendo boas obras!

Ladi: Paraíso ou céu é um santo lugar – uma pessoa precisa ser 100% perfeita para se qualificar para entrar!

Mesmo que nos esforcemos fazendo boas obras nunca alcançaremos o padrão de Deus, completamente sem pecado.

Deus sabe disso e, portanto, Ele se oferece para nos purificar inteiramente através do sacrifício de Jesus Cristo.

Jesus, portanto, serve como um substituto – pagando por nossos pecados.

Se você aceitar esta oferta, garantirá6 um lugar no céu.

Então, você será grato, e em reconhecimento a Deus você praticará boas obras.